• Equipe wwwarpando

O vão da escadaria, os negócios de impacto e o kit de sobrevivência

No texto anterior, escrevi um pouco sobre meu kit pessoal de primeiros socorros para momentos onde me percebo em direção à Normose. Hoje sigo na mesma direção, trazendo outra reflexão agora com uma aplicação não só na vida pessoal, mas também para negócios.


O título um tanto longo este escrito traz a essência de algo essencial a Vida - a integralidade, aqui usado como característica, particularidade ou condição do que é integral (completo). O conjunto de tudo aquilo utilizado para formar ou completar um todo; completude (fonte https://www.dicio.com.br/integralidade/).


Os momentos de profundas crises e colapso da Vida, pessoal ou de um negócio, tem como característica a fragmentação de nossas bases de segurança, das certezas e referenciais que mantinham o processo em um fluxo claro nos dando a impressão de algum controle. No entanto, na medida que amadurecemos, ou que nosso negócio amadurece, vamos aprendendo “muito mais pela dor que pelo amor” que o controle é impermanente, que a vida é complexa e que as coisas vão inevitavelmente fugir de nosso controle. O colapso é certo, e pode chegar seja por uma implosão (desencadeada pela ruína do ecossistema interno) ou por uma explosão (fruto de alterações vindas do mundo externo).


Nosso momento presente no planeta tem sido o cenário perfeito para ambas vias de colapso - interna e externa, de pessoas à negócios de todos os tamanhos. Pensando nisto hoje apresento um recurso do kit de primeiros socorros que aplico em meu negócio (a La durabilité), esperando que algo seja também balsâmico para o seu negócio! Este recurso é a Integralidade.



A imagem mental mais poderosa que encontrei para não só entender mas ter a sensação de estar existindo de forma integral, é a visão que temos do vão central de uma escadaria de diversos lances. Pessoalmente meu melhor lugar para esta visão é na base da escadaria, naquele espaço onde olhando para cima vemos todo o trajeto subindo, andar a andar. Neste ponto, é possível ver a particularidade de cada andar sem perder a visão de que existe um espaço maior e transversal, que percorre toda a escadaria, do primeiro ao último degrau. Para mim, este lugar remete a integralidade, estar nesta posição me traz alinhamento e abertura, me dá uma visão de completude. Neste lugar, acontece o centramento, ali ficam as coisas mais essenciais e que devem permanecer juntas para que a Vida siga.

Levando esta imagem do vão da escadaria para o mundo dos negócios, posso dizer que minha empresa nasceu deste lugar, do vão, do integral. E assim, os valores e princípios da La durabilité foram escolhidos de forma que ela se mantenha no fluxo do Cuidar da Vida e que possa contribuir para que esta cresça e se espalhe pelo mundo através dos seus serviços e produtos. Dito de outra forma, aplicando a integralidade ao mundo das empresas é possível criar um negócio de impacto.


Segundo o estudo produzido em 2019 pela Aliança pelo Impacto em parceria com a Pipe.Social, “são negócios de impacto empreendimentos que têm a intenção clara de endereçar um problema socioambiental por meio de sua atividade principal (seja seu produto/serviço e/ou sua forma de operação). Atuam de acordo com a lógica de mercado, com um modelo de negócio que busca retornos financeiros, e se comprometem a medir o impacto que geram”.

(fonte https://aliancapeloimpacto.org.br/wp-content/uploads/2020/03/ice-estudo-negocios-de-impacto-2019-web.pdf, pág 30).


Vimos então que do nosso lugar de plenitude/centralidade/integralidade é possível criarmos um negócio de impacto. Por experiência própria digo que, se seu negócio não acessa esta visão integral, ele corre sério risco neste nosso cenário presente de colapso pandêmico planetário. Por experiência pessoal e empresarial sei que quando perdemos o centro, acabamos capturados pelo furacão e rodamos desorientado ao sabor dos ventos.


Se os acontecimentos do mundo de 2020 balançaram suas estruturas, arruinaram os referenciais internos de seu negócio e os processos externos que o mantinham vivo e saudável, eu sugiro fortemente que você recorra ao do kit de sobrevivência e identifique qual a sua versão do vão da escadaria. Por mais difícil que seja para enquanto estamos rodando perdidos encontrar um ponto de retorno ao olho do furacão, esse é um desafio que vale ser enfrentado.

Reconectar ou descobrir o que compõe o DNA do seu negócio é uma forma de desenvolver a resiliência e flexibilidade que o momento e o mercado exigem de quem empreende. Conhecer melhor os valores e processos atuais da empresa permite identificar o que deve ser reforçado ou descartado de forma consciente. A visão integral que revela tanto os fragmentos e quanto o espaço que os conecta, tem sido um poderoso recurso para a sobrevivência da La durabilité neste 2020 caótico. E, eu suspeito, que pode ser um valioso tesouro para seu negócio também!


Por: Angela Schmidt







Qual é a cor da sua lente - Pela Simone Catalan













Quando vamos acordar? ou Como vamos sair da Normose? - Pela Angela Schmidt













Como recuperar ( a saúde de) sua empresa - Pela Conselheira Meri Elen Garbelotti

Receba nossas atualizações

  • YouTube - círculo cinza
  • LinkedIn - círculo cinza
  • Instagram